PEPETELA NO BRASIL EM OUTUBRO DE 2019: BATE-PAPOS, PALESTRAS, AUTÓGRAFOS, ENTREVISTAS!

 
PEPETELA, premiado escritor angolano, esteve no Brasil em outubro para lançar seu romance O quase fim do mundo, publicação da Editora Kapulana, e trocar ideias sobre esse livro e sobre O cão e os caluandas, obra do autor lançada também em 2019 pela Kapulana. Pepetela teve a oportunidade de participar de atividades em ambientes bastante diversos como auditórios, salas de aulas, áreas abertas sob árvores e ao som de música em calçada de cidade de praia. Esteve entre crianças, jovens e leitores de mais idade, todos interessados em sua trajetória como pessoa militante e como autor de vasta obra literária.

 
Acompanhe as atividades do escritor:

“Sempre um Papo”– Sesc 24 de Maio (15/10/2019 – São Paulo/SP)

Na terça-feira, 15 de outubro, Pepetela participou do programa “Sempre um Papo”, organizado por Afonso Borges, na sede do Sesc 24 de Maio, em São Paulo. Deu entrevista à imprensa e, na sequência, em mesa mediada pela jornalista Paula Rangel, respondeu às perguntas de um auditório lotado de leitores curiosos. O escritor falou sobre como e por que decidiu escrever O quase fim do mundo e comentou o cenário político atual de Angola e do Brasil. Além disso, comentou o que acredita ser a grande importância do olhar observador e crítico para um escritor:

“Aquilo que li, vivi e fui aprendendo influencia, sim. Muito da minha vida está nesses livros.”

Depois do bate-papo, houve sessão de autógrafos, durante a qual os leitores puderam conversar mais de perto com o escritor.

“Áfricas em Trânsito”– FFLCH-USP  (16/10/2019 – São Paulo/SP)

Em 16 de outubro, o escritor participou do colóquio “Áfricas em Trânsito”, organizado pelos centros da USP – Centro de Estudos Africanos (CEA-USP) e Centro de Estudos das Literaturas e Culturas de Língua Portuguesa (CELP-USP). O autor esteve em um auditório lotado, e duas outras salas com transmissão simultânea também tiveram seus lugares esgotados. A mesa era composta pelas professoras da FFLCH Rita Chaves e Tania Macêdo, e a diretora da instituição, Maria Arminda do Nascimento Arruda. Pepetela fez uma fala breve, em que expôs a satisfação de estar na universidade, e logo passou a responder a diversas perguntas dos presentes nas três salas que o assistiam. Falou sobre a guerrilha, sobre escrever “para ajudar a compreender a realidade” e sobre a importância da literatura para o despertar da consciência política. Ao ser perguntado sobre onde consegue, ainda, depositar sua fé, o escritor respondeu sem titubear:

“Ainda consigo depositar minha fé na juventude.”

Ao final, houve uma concorrida sessão de autógrafos. Apesar da longa fila, todos saíram com um livro autografado pelo escritor.

“Conversa com o Autor” – Realejo Livros (17/10/2019 – Santos/SP)

Na quinta-feira, dia 17, Pepetela participou de um lançamento mais intimista, na Realejo Livros, em Santos, próximo do local onde residiu por breve tempo na cidade. A sessão de autógrafos foi embalada pelo som do chorinho, ao vivo, e o escritor conversou longamente com velhos amigos e novos fãs moradores da cidade ou que vieram de outros lugares para prestigiá-lo.

II Encontro Literário – Áfricas, Memória e Resistência” (18/10/2019 – Perus-São Paulo/SP)

Em 18 de outubro, seu último dia no Brasil, Pepetela esteve no “II Encontro Literário – Áfricas, Memória e Resistência”, promovido pelo Coletivo de Educadores de Perus-Pirituba, para discutir questões sobre literatura, inseridas no contexto político-social-cultural de Angola e Brasil.

O bate-papo, conduzido pela Profa. Rita Chaves (FFLCH-USP), teve lugar na parte externa da Biblioteca Municipal Padre José de Anchieta, em Perus, em uma área sob as árvores, o que remetia às histórias africanas contadas em locais abertos, em meio à natureza.

A plateia era composta de residentes, estudantes e trabalhadores da região, interessados em conhecer o autor e trocar ideias sobre sua obra. Esse evento foi fruto da parceria desenvolvida entre a universidade pública (USP) representada pela Profa. Rita Chaves, e educadores, alunos, pesquisadores e profissionais da biblioteca municipal, com o objetivo de aproximar interessados em literatura e escritores cuja obra os participantes conhecem ou poderão vir a conhecer a partir de agora.

Além da participação em eventos literários, Pepetela concedeu entrevistas a vários órgãos de imprensa, rádio e blogs.

Trechos dos livros:

O QUASE FIM DO MUNDO: http://www.kapulana.com.br/produto/o-quase-fim-do-mundo/

“Foi quando se deu o relâmpago, chamo-lhe assim à falta de melhor palavra. Uma luz intensa, como um flash num céu azul, indolor. As trovoadas secas são comuns na região, a chuva vem depois. Até pode não vir chuva nenhuma. E foi isso mesmo que pensei, apenas uma trovoada seca. Só muito mais tarde associei essa luz intensa e o fato de ir passando, a partir daí, por carros mal estacionados ao longo da estrada, alguns mesmo no meio da estrada, vazios, imbambas abandonadas ao deus dará, bicicletas caídas, e nem rastro de gente. Alarmado, cheguei aos bairros periféricos, onde se acumulavam os excluídos de todos os processos econômicos e sociais, milhares e milhares de seres a lutarem desesperadamente para viverem um dia a mais. E os bairros estavam vazios. Pensei, terá havido um festival de música, única razão levando toda a gente para fora dos bairros? Ou um culto monstro de uma igreja que oferece todas as curas?”

 O CÃO E OS CALUANDAS: http://www.kapulana.com.br/produto/o-cao-e-os-caluandas/

“Trata-se pois de estórias dum cão pastor-alemão na cidade de Luanda. Também se trata duma toninha, ser todo de espuma, algas como cabelos, que talvez só tenha vivido na minha cabeça. E na do cão, claro. Será mesmo só isso? Responda o leitor. Mais previno que qualquer dissemelhança com fatos ou pessoas pretendidos reais foi involuntária.”

Saiba mais sobre Pepetela e sua obrahttp://www.kapulana.com.br/pepetela/

FOTOS:

Na Kapulana: http://www.kapulana.com.br/15-10-2019-pepetela-na-kapulana/

No Sesc 24 de Maio: http://www.kapulana.com.br/15-10-2019-lancamento-o-quase-fim-do-mundo-de-pepetela-no-sesc-24-de-maio-em-sao-paulo-sp/

Na FFLCH-USP: http://www.kapulana.com.br/16-10-2019-africas-em-transito-conversa-com-pepetela-na-fflch-usp-em-sao-paulo-sp/

Em Santos: http://www.kapulana.com.br/17-10-2019-pepetela-na-realejo-livros-em-santos-sp/

Na Biblioteca de Perus: http://www.kapulana.com.br/18-10-2019-conversa-com-pepetela-africas-memoria-e-resistencia-na-biblioteca-municipal-padre-jose-de-anchieta-perus-sp/

VÍDEOS: em breve.

 

[Atualizada em 21 de outubro de 2019.]