Publicado em

MIA COUTO

MIA COUTO

Nasceu em 1955, na cidade da Beira, em Moçambique.

Em 1972 foi para Lourenço Marques, hoje Maputo, capital de Moçambique, para estudar Medicina, mas não terminou o curso. Nos anos 70 dedicou-se ao trabalho de jornalista em diversos órgãos de informação.

Voltou aos estudos universitários e formou-se em Biologia, passando, então a exercer atividades como biólogo e escritor.

Está traduzido em mais de 30 idiomas e recebeu importantes prêmios, nacionais e internacionais, como o Prémio Camões, que recebeu em 2013.

Desde 1987, colabora com grupos de teatro, havendo múltiplas adaptações de contos e romances para teatro e cinema, tanto em Moçambique como no estrangeiro.

Da sua vasta e rica obra destaca-se o romance Terra sonâmbula que foi considerado um dos 12 melhores romances africanos do século XX.

OBRAS DA KAPULANA

pátio das sombras, Contos de Moçambique, v. 10, 2018 (em edição)

OUTRAS PUBLICAÇÕES

É autor de muitos livros, dentre os quais:

  • Raiz de orvalho e outros poemas (poesia), 1983.
  • Terra sonâmbula (romance), 1992.
  • Estórias abensonhadas (contos), 1994.
  • O último voo do flamingo (romance), 2000 .
  • O pátio das sombras. Maputo: Escola Portuguesa de Moçambique; Barcelona: Fundació Contes pel Món, 2009.
  • Tradutor de chuvas (poesia), 2011.
  • A confissão da leoa (romance), 2012.
  • Inundação (conto), 2014.
  • Mulheres de cinzas (trilogia “As areias do Imperador”) (romance), 2015.
  • A espada e a azagaia (trilogia “As areias do Imperador”) (romance), 2016.
  • O bebedor de horizontes (trilogia “As areias do Imperador”) (romance), 2017.

PRÊMIOS, DESTAQUES E PARTICIPAÇÕES

  • Prémio Nacional de Ficção da Associação dos Escritores Moçambicanos, 1995.
  • Prémio Vergílio Ferreira, pelo conjunto da sua obra, 1999.
  • Prémio Mário António, pelo livro O último voo do flamingo, 2001.
  • Associação dos Escritores Moçambicanos (melhor romance), 2004.
  • Prémio União Latina de Literaturas Românicas, 2007.
  • Prêmio FNLIJ Literatura em Língua Portuguesa, 2009.
  • Prémio Eduardo Lourenço, 2012.
  • Prémio Camões , 2013.
  • Neustadt International Prize for Literature, 2014.
  • Man Booker International Prize (finalista), 2015.