Publicado em

Livro ‘Serei sereia?’, de Kely de Castro e publicado pela Kapulana, disponível em múltiplos formatos acessíveis

 DIVERSOS – LIVROS ACESSÍVEIS E INCLUSIVOS surge do compromisso e da necessidade de disponibilizar clássicos da literatura infantil e infantojuvenil em múltiplos formatos acessíveis

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo apresentou, na tarde desta quarta-feira (25), na Biblioteca de São Paulo, o projeto DIVERSOS – LIVROS ACESSÍVEIS E INCLUSIVOS, que reúne obras de diversos autores, em múltiplos formatos acessíveis e publicado no site do Centro de Tecnologia e Inovação (CTI). ‘Serei sereia?’, livro de Kely de Castro e com ilustrações de Amanda Azevedo, lançado pela Kapulana, foi escolhido para fazer parte do formato. Estão também disponíveis as obras ‘Uma nova amiga’, de Lia Crespo, ‘O discurso do urso’, de Julio Cortázar e ‘O menino no espelho’, de Fernando Sabino.  A iniciativa irá fornecer gratuitamente títulos com recursos de acessibilidade como legenda, narração, libras, ilustrações e audiodescrição das imagens em formato digital para pessoas com deficiência. 

‘Serei sereia?’ é a história de Inaê, uma menina que já nasceu com um grande desafio a vencer: o fato de não poder andar. Nessa narrativa, contada pela artista Kely de Castro, Inaê, como todas as crianças, passa por momentos de tristeza, alegria, conflito e tranquilidade. A bordo de sua cadeira de rodas, enfrenta obstáculos e, aos poucos, com o apoio de sua mãe, descobre que pode construir sua própria história. O livro é ilustrado por Amanda de Azevedo e por fotos de bonecas confeccionadas pela autora.

O projeto

Em parceria com a organização Mais Diferenças, o DIVERSOS – LIVROS ACESSÍVEIS E INCLUSIVOS surge do compromisso e da necessidade de disponibilizar clássicos da literatura infantil e infanto-juvenil em múltiplos formatos acessíveis, como contribuição à leitura no processo de formação da cidadania responsável e sustentável. 

Nos últimos anos, o Brasil avançou muito em relação aos direitos das pessoas com deficiência em diferentes campos e áreas de atuação, segmento que alcança 45,6 milhões no Brasil, e 9,3 milhões no estado de São Paulo.  Nos diferentes espaços, quer sejam escolas, bibliotecas, livrarias e os próprios lares, não existem ainda livros audiovisuais em formatos bilíngues – Português/Libras, ou mesmo livros que considerem as características das pessoas com deficiência intelectual.

O Brasil garante a educação inclusiva em todas as etapas e modalidades de ensino, com salas de aula organizadas por grupos heterogêneos e múltiplos, assegurando às crianças com e sem deficiência o direito de aprender e conviver juntas nas salas de aula. No entanto, muitas vezes, o livro – que apresenta diferentes formas de ler e de levar o leitor a se relacionar com o texto, com as imagens, com o som, os movimentos, os códigos e as línguas – pode ser muito rico para todas as pessoas, com e sem deficiência, se contar com recursos alternativos e adaptáveis, para seu pleno acesso.

O acesso à informação, à comunicação, ao livro, à leitura e à literatura continuam sendo desafios importantes, que demandam conscientização, pesquisa, produção e disseminação de materiais acessíveis para pessoas com diferentes tipos de deficiência. O Projeto DIVERSOS – LIVROS ACESSÍVEIS E INCLUSIVOS apresenta bloco de livros desenvolvido para que todas as pessoas com e sem deficiência possam ter acesso à leitura, por via digital –  computador, notebook, tablet ou celular.

Como o próprio nome diz, os livros são diversos! São histórias divertidas, animadas, de suspense, de aventura, de amor, de fantasia. São histórias de hoje e de antigamente. São histórias que se passam aqui e em outros lugares do mundo. Crianças e adolescentes, com e sem deficiência, podem escutar a história que está sendo contada; podem ouvir os sons que ajudam a imaginar; podem ver o texto escrito na tela; podem ver as imagens que estão nos livros e escutar as descrições delas. Também podem ver o livro ser contado em Libras, o idioma de muitas pessoas surdas.

As memórias que nos acompanham ao longo da vida em relação às histórias, aos livros, aos contos de fadas e às diferentes narrativas que sobrevivem ao tempo são fundamentais e carregam uma carga simbólica expressiva. Em alguns livros, o texto foi reescrito de uma forma mais simples, ao qual denominamos Leitura Fácil, com glossário explicativo para facilitar o entendimento de palavras menos usuais. DIVERSOS – LIVROS ACESSÍVEIS E INCLUSIVOS é o projeto de leitura fácil da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo – para todos.

Saiba mais:

Sobre a escritora: http://www.kapulana.com.br/kely-de-castro/

Sobre a ilustradora: http://www.kapulana.com.br/amanda-de-azevedo/

Sobre o livro: http://www.kapulana.com.br/produto/serei-sereia/

Veja fotos da atividadehttp://kapulana.com.br/livro-serei-sereia-disponivel-em-multiplos-formatos-acessiveis/

Conheça a Kapulanahttp://kapulana.com.br/a-editora/