ADELINO TIMÓTEO

ADELINO TIMÓTEO nasceu em 3 de fevereiro de 1970, na Beira, em Moçambique.

É formado na área de docência em Língua Portuguesa, mas não exerceu a profissão. Ingressou no Jornalismo em 1994, na cidade da Beira, no Diário de Moçambique, e, mais tarde, tornou-se correspondente do semanário Savana, da mesma cidade.

É licenciado em Direito e exerce a função de jornalista no semanário Canal de Moçambique, também da cidade da Beira.

Além disso, é artista plástico e já realizou várias exposições individuais de artes, em Moçambique e no estrangeiro.

 

OBRAS DA KAPULANA

Na aldeia dos crocodilos, Contos de Moçambique, v. 7,  2018.

Cemitério dos pássaros (em edição)

OUTRAS PUBLICAÇÕES

  • Os segredos da arte de amar. Maputo: AEMO, 1999.
  • Viagem à Grécia através da Ilha de Moçambique. Maputo: Ndjira, 2002.
  • A Fronteira do Sublime. Maputo: AEMO, 2006.
  • Mulungu. Lisboa: Texto Editores, 2007.
  • A virgem da Babilónia. Lisboa: Texto Editores, 2009.
  • Nação Pária. Maputo: Alcance Editores, 2010.
  • Na aldeia dos crocodilos. Maputo: Escola Portuguesa de Moçambique; Barcelona: Fundació Contes pel Món, 2011.
  • Dos frutos do amor e desamores até à partida. Maputo: Alcance Editores, 2011.
  • Não chora Carmen. Maputo: Alcance Editores, 2013.
  • Nós, os de Macurungo. Maputo: Alcance Editores, 2013.
  • Livro Mulher. Maputo: Alcance Editores, 2013.
  • Apocalipse dos Predadores. Lisboa: Chiado Editora, 2014.
  • Corpo de Cleópatra. Maputo: Alcance Editores, 2016.
  • Os oito maridos de Dona Luíza Michaela da Cruz. Maputo: Alcance Editores, 2017.
  • Os últimos dias de Uria Simango. Maputo, 2018.

PRÊMIOS

  • 1999 – Prêmio anual do Sindicato Nacional do Jornalismo, pela melhor Crônica Jornalística.
  • 2001 – Prémio Nacional Revelação de Poesia AEMO (Associação dos Escritores Moçambicanos).
  • 2011 –Prémio BCI/AEMO 2011 pela obra Dos frutos do amor e desamores até à partida.
  • 2013 – “Melhor Escritor da Cidade da Beira”, Moçambique.
  • 2015 – “Excelente e inquestionável qualidade de sua obra”, distinção pelo Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora (CEMD), Lisboa, Portugal.